Série Crossfire - Somente Sua - Livro 4

Sinopse: Gideon me chama de anjo, mas ele é o milagre em minha vida. Meu lindo, guerreiro ferido, tão determinado a matar meus demônios enquanto se recusa a enfrentar os seus próprios. Os votos que tinhamos trocado deveriam ter nos ligado de forma mais apertada do que sangue e carne. Em vez disso,abriu velhas feridas, expondo dor e inseguranças, e isso atraiu amargos inimigos para fora das sombras. sinto ele escorregar da minha mão, meus maiores medos se tornando a minha realidade, meu amor testado de maneiras que eu não tinha certeza de que era forte o suficiente para suportar. Em um tempo brilhante em nossas vidas, a escuridão de seu passado invadiu e ameaçou tudo o que tinhamos trabalhado tão duramente para esquecer. Nós enfrentamos uma escolha terrível: a segurança familiar das vidas que tivemos antes de termos um ao outro ou a luta por um futuro que, de repente parecia um sonho impossível e sem esperança...


Depois de muita polêmica por conta da demora do livro, muitos amaram e outros odiaram a continuação da Série Crossfire. Primeiro, vamos explicar as polêmicas que envolvem a Série...
A Série Crossfire foi lançada nos Estados Unidos onde fez muito sucesso logo de cara. Como literatura Hot é algo que estava muito na moda (aliás, está, pois ainda faz muito sucesso, conquistando muitos adeptos), não demorou para que seus dois primeiros livros "Toda Sua" e "Profundamente Sua" chegassem ao Brasil. Quando o terceiro livro "Para Sempre Sua" iria ser lançado, decidiu-se que deixaria de ser o final da história e passaria a ser o terceiro de cinco livros. Com isso, a autora teve que fazer modificações e houve um atraso em seu lançamento. O que ninguém contava é que a editora não concordaria com o quarto livro da Série, o que fez a autora ter que mudar de editora e demorar mais de um ano para que "Somente Sua" estivesse nas mãos dos fãs de Cross e Eva. 
Muita gente pode não ter gostado, reclamou que mais uma vez é "sem pé nem cabeça", uma forma de ficar "enchendo a Série com linguiça", ao invés de nos dar um final com qualidade. Mas esse livro fez minha admiração por Sylvia Day e pelo casal Cross só aumentar, pois mais uma vez a autora mostrou que sabe segurar muito bem um enredo. Não se perdeu, como muitos sempre defenderam que aconteceria, nos deu um Cross extremamente apaixonante, inclusive fazendo a diferença ao também colocá-lo como narrador, o que tornou a história mais completa e de quebra a Eva se tornou ainda mais forte.
Foi o livro que fez ver que ter lido todos os livros valeram a pena e que só aguçou ainda mais a curiosidade para que o final venha cheio de surpresas boas e um grande final para Crossfire. Ansiosa pelo último livro! 



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Resenha - O segundo sexo

Feminismo, por Ayn Rand

Viagens literárias: Mergulho no mar