Despedida da Pit

Oi, pessoal! Como vão?

Infelizmente estou me desligando do Clube Literário Palavras ao Vento. 
Gostaria de ser muito honesta quanto a isso, assim, preciso dizer que existem momentos na vida que precisamos reavaliar nossos caminhos. Precisamos ter coragem de abandonarmos as roupas que não nos servem mais para tentarmos vestir o que representa o que realmente acreditamos. 
Viver tudo o que vivi no CLPV foi incrível e absolutamente necessário para que eu evoluísse como escritora e principalmente como indivíduo. Conheci e me reaproximei de pessoas incríveis, vivi momentos inesquecíveis e aprendi coisas que jamais poderia ter aprendido sozinha, por isso, tenho muita gratidão!
O Clube me fez perceber que preciso fazer grandes coisas para melhorar como pessoa! É o que amo fazer! Adoro falar sobre a vida e sobre a nossa sensível humanidade e gosto de ver que meus esforços atingem pessoas que nunca vi e que podem se sentir tocadas pela arte. 
Infelizmente o Clube tomou um rumo que não condiz com o que acredito e isso me fez perceber que algumas vezes, precisamos parar um pouco e olharmos nosso mapa para não nos perdermos. 
Preciso, nesse momento, de um período para cultivar um olhar mais íntimo, de dedicação a mim mesma e aos meus sonhos individuais, de um "respiro" para que eu volte a fazer as coisas que realmente acredito e amo. 
Quero trilhar meu caminho sendo honesta com meus objetivos e com os sonhos que cultivei por toda a minha vida.

Jamais vou me esquecer dos livros que debatemos, das lembranças que despertamos com cada tema, dos Saraus, da viagem naquela Kombi barulhenta, do Cordel contando nossa história, dos lanches, dos convidados, das risadas, do nó na garganta com nossas leituras e com o brilho no olhar de todos nós. Jamais vou me esquecer do nosso livro, desse blog que arquiva todas as nossas histórias, da nossa participação tão emocionante na FLIVA 2015 e do nosso Halloween. Nunca vou me esquecer das minhas idas e vindas recebendo, recolhendo, buscando e levando caixas e mais caixas de doações dos livros... enfim, o Clube foi um projeto que criei com muito carinho, mas que tive a honra de encontrar pessoas para sonhar junto comigo. 

Não saio com tristeza, saio com a alegria de dizer que fiz tudo o que pude com as armas que tinha em minhas mãos. É apenas um capítulo bonito da minha vida, logo vem outro, mas nada me fará esquecer tudo o que vivi com vocês.
Saibam que apesar das diferenças, sinto que dei e recebi o melhor que tínhamos. E me retiro com gratidão e felicidade por ter vivido tantos momentos especiais com vocês.
Não saio com mágoa e demorei algum tempo para me livrar de certos sentimentos para escrever tudo isso com a verdade que todos nós merecemos. 
Desejo que o Clube tenha vida longa e estarei aqui para assistir todas as vitórias de vocês.

Muito Obrigada por tudo! 
Beijos Coloridos!




Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Resenha - O segundo sexo

Feminismo, por Ayn Rand

Viagens literárias: Mergulho no mar